Viagens


By in abril 28, 2016 • Filed in: Viagens, Video, Vlog

Oiiiiii, tudo bem?

Hoje vim mostrar um pouquinho sobre Cesky Krunlov, uma pequena cidade que fica no sul da República Tcheca e eu nunca tinha ouvido falar, apesar de ser a segunda cidade mais visitada do país.

Fiquei sabendo de sua existência enquanto planejava o meu mochilão e decidimos incluir, pois são apenas 4 horas de trem partindo de Praga, cidade que já estava no nosso roteiro.

cesky

Situada às margens do Rio Vltava e com menos de 15 mil habitantes, a cidade foi construída em torno de seu enorme e castelo e, segundo a UNESCO, “Cesky Krumlov é um excelente exemplo de cidade pequena medieval da Europa Central, cuja herança arquitetônica permaneceu intacta graças à sua evolução calma ao longo de mais de 5 séculos”. Por causa disso, ela está na lista dos patrimônios da humanidade.

Image18

Adoro tirar fotos nos bueiros das cidades.

cesky

#TsuyamiMorrida

cesky

Decidimos andar de boat, é assim que chamam por lá, mas é praticamente um caiaque. É um passeio super comum na cidade, pois através do rio, damos a volta na cidade. Adorei, recomendo.

cesky

Image20

Image26

cesky

Image22

Image13

Muitas construções na cidade são decoradas com desenhos, nas fotos abaixo, por exemplo, não são blocos aparentes, mas sim, pinturas.

Image19

Image8

Abaixo estão as nossas escolhas pro almoço na cidade. (Caesar salad, porco com polenta, salada com carne e hambúrguer).

Optamos por almoçar no Hostel 99, pois havíamos visto uma indicação em algum livro com dicas e foi o primeiro restaurante que achamos. Adoramos a comida, o valor foi justo, o atendimento bem legal. Esse restaurante fica num albergue que parece bem interessante.

cesky

  • Tcheco e eslovaco. O inglês é amplamente difundido
  • Koruna (Coroa Tcheca)
  • Não é necessário
  • Não há exigências específicas

assintsuy





By in abril 14, 2016 • Filed in: Viagens, Video, Vlog

splendida

Oiiii, hoje vim falar sobre o MSC Splendida, o maior navio de cruzeiro que já atracou no porto de Santos, que foi inaugurado em 2009 e só viajou pela Europa antes de vir para o Brasil.

splendida

Informações:

– Custou 550 milhões de dólares para ser construído.

– São 333,30m de comprimenro, 37,98m de largura e 66,91m de altura.

– Servem 4,363 passageiros e cerca de 1.370 tripulantes.

splendida

splendida

O que eu acho mais legal em cruzeiros, é o fato de agradar a todas as idades. Você pode viajar com os seu avós sem se sentir entediado. Ou pode levar a criançada e largar elas com a equipe responsável para ter um pouco de paz. Tem piscina para quem gosta, ar condicionado para quem odeia calor, comida chique, hot dog, compras, balada, bares, música eletrônica, música pra velho…

Eu e a minha irmã já levamos a nossa Batchan para quatro cruzeiros, pois é a melhor opção na nossa opinião, já que eu e sister somos jovens e Batchan tem mais de 80 anos. Podemos deixa-la na cabine e ir para a balada de madrugada, sem precisar pegar carro ou táxi, já que fica tudo no mesmo lugar.

splendida

splendida

Vocês sempre me perguntam a respeito de valor, vou dizer quanto saiu a viagem.

Pagamos R$3.800 na cabine com varanda para três pessoas. Três dias de viagem.

Todas as refeições são inclusas, mas também há restaurantes pagos dentro do navio caso deseje comer algo diferente. De bebida, somente água, café e chá estão inclusos, além de sucos diversos, mas somente no café da manhã. Caso viaje de Royal Caribbean, tem mais bebidas inclusas. Tudo isso depende da cia.

Sempre é mais barato viajar de navio quando você o pega em uma das suas últimas viagens, já fora de temporada. Viajei no começo de Abril, por exemplo e estava muito mais barato do que viajar em Janeiro ou Fevereiro. Dividir cabine também é uma boa, uma cabine para três ou quatro pessoas, sai praticamente o mesmo valor que a cabine para apenas uma.

Claro que quando entramos num navio, a gente quer beber uma biritinha (que nos navios da MSC e Royal nunca são inclusas), jogar no cassino, fazer compras no Free shop, mas caso você esteja querendo economizar, não pode gastar muito ou é mão de vaca mesmo, pode tranquilamente entrar no navio e não gastar nem um centavo além do que já gastou comprando o pacote. Tem comida suficiente em praticamente todos os horários, tem água a vontade o tempo todo, entretenimento e etc.

splendida

Dentro da cabine, antes da segunda noite onde teria festa de carnaval na piscina:

splendida

Com relação a comida do navio, eu adoro! Infelizmente da MSC é inferior a Royal, mas ainda é boa.

No horário do almoço, você não irá comer as melhores coisas, nem vai comer tranquilamente. É como se fosse um bandejão e como na maioria dos lugares, cheio de gente super mal educada, daqueles tipos que dá vontade de dar um soco no meio da fuça. O café da manhã é bom, igual dos hotéis, com ovos, bacon, pães e tudo que temos direito. Já os jantares são a minha parte preferida, como eu disse, os navios da MSC deixam a desejar para os da Royal, mas ainda são bons.

splendida

splendida

#TsuyamiMorrida na pista de boliche do MSC Splendida:

splendida

É isso, espero que tenham curtido o post. =)

assintsuy





By in abril 11, 2016 • Filed in: Viagens, Vlog

Hoje trago para vocês um pouco sobre o cemitério da Recoleta em Buenos Aires, mais conhecido como cemitério da Evita Péron. O local é um grande ponto turístico da cidade, além de ser um dos cemitérios mais visitados do mundo.

Ganhou fama devido ao luxo das lápides e da ostentação dos túmulos, retrato do bom momento econômico vivido pela Argentina no início do século XIX. Atualmente acontecem poucos enterros no local devido ao pouco espaço livre disponível e o alto preço do terreno, que é o metro quadrado mais caro de toda cidade.

Após visitar, eu jamais diria que ainda acontecem enterros, não vi uma única tumba com data recente.

buenos aires

buenos aires

buenos aires

O cemitério tem nada mais, nada menos que seis hectares. Macacos me mordam.

buenos aires

Eu já havia ido duas vezes para Buenos Aires, mas nunca visitei o cemitério por nunca ter feito questão, eu até queria conhecer, mas as outras prioridades na viagem sempre eram maiores. E hoje, me pergunto, ‘pq não conheci antes?”.

Parece bizarro, mas passamos cerca de duas horas super agradáveis lá dentro. É um tipo de turismo que não agrada a todos, mas como não tenho medo, aproveitei bastante. É fascinante ver como antigamente as pessoas tinham costumes tão diferentes, apenas uma lápide não bastava, tinha que ser uma construção enorme com estátuas, mármores, janelas e muito mais.

buenos aires

buenos aires

buenos aires

buenos aires

buenos aires

Abaixo, estão as fotos do túmulo da Evita Péron, nenhuma foto está ótima pois estava a maior muvuca ao redor (dá para conferir no vídeo).

Demoramos bastante até encontra-la, pois nos enfiamos nos lugares mais vazios e depois começamos a procurar o nome dela pelos maiores túmulos. Eis, a decepção, um dos pontos fortes do local, não é tão impressionante assim. O túmulo não é só dela, é da família inteira: Duarte. E o seu nome está pequenino lá embaixo, do lado direito.

Claro, quando ela morreu, ninguém imaginou que pessoas do mundo inteiro iriam visitar a sua tumba. Por isso, é apenas uma tumba, não é das maiores, das mais luxuosas, nem nada. Mas é a única com muitas flores, pelo menos os fãs estão sempre colorindo, diferente das demais, que não devem ter mais um parente para contar história, muito menos levar flores.

buenos aires

buenos aires

buenos aires

Me despeço deixando o link de uma matéria super interessante sobre 5 histórias surreais de pessoas que estão enterradas no cemitério. Vale a pena conferir.

assintsuy





By in março 31, 2016 • Filed in: Viagens

Meu mochilão aconteceu há alguns meses, já postei algumas coisas, mas ainda tenho MUITO material. Tirei tantas fotos e gravei tantos vídeos, que confesso ficar com preguiça na hora de organizar tudo e trazer para vocês. =(

Prometo para mim mesma, que até o meio do ano, vou encher o blog de informações úteis para quem deseja fazer o mesmo tipo de viagem. =)

budapeste

Desde antes de planejar o mochilão, eu queria muito ir para Budapeste, não me perguntem o motivo, eu apenas queria. Pra vocês terem uma noção do quanto sou perdida, eu sequer sabia que Budapeste ficava na Hungria, haha. Só quero saber de viajar, não importa se sei onde fica o lugar.

Vários amigos meus já haviam ido para a cidade e todos foram muito firmes na dica “vá aos banhos húngaros”, eu nem sabia que porra era essa mas corri no Google para me informar. Achei as fotos maravilhosas, mas eu iria pois todo mundo aconselhou, sem a certeza se eu realmente queria.

budapeste

Ficamos apenas três dias na cidade, afinal, era um mochilão. Reservamos um dia todo para os banhos, nossa intenção era acordar cedinho e ficar a tarde toda lá, caso fosse um saco, sabíamos que tinham coisas legais para fazer nas redondezas. Deu que a gente bebeu todas num Pub Crawl durante a madrugada, não ouvimos nenhum despertados tocar e acordamos as 13.

Escolhemos a casa de banho Szechenyi que existe desde 1913, pois além de ser o maior de toda Europa, também é dona de muitos cartões postais da cidade. Chegamos lá por volta das 16 e ainda pegamos o sol tinindo (em Budapeste só escurece as 21), curtimos bastante e confesso que fiquei triste por ter perdido a hora, pois eu passaria o dia todo lá.

Quando cheguei, fiquei bem decepcionada, pois o lugar não é tão maravilhoso quanto nas fotos… Na minha opinião, toda velharia por mais restaurada que seja, nunca é tão bela pessoalmente. Após alguns minutos me familiarizando, eu já estava lá, saltitando pelas piscinas. Ah, eu queria estar lá agora mesmo.

Image10

Image11

Image12

Image14

Óbvio que não poderia faltar o #TsuyamiMorrida, hahaha.

budapeste

Depois que saímos dos banhos, fomos passear pelas redondezas, se dessemos a sorte de encontrar algum ponto turístico, ótimo. Se não encontrássemos, ótimo também. Só o fato de estarmos na Hungria, já é diferente, mesmo um cachorro cagando por lá tem o seu valor.

Quem muito se atenta aos pontos turísticos, não aproveita bem o lugar. É a minha opinião.

Image16

Por sorte, estávamos perto do Castelo de Vajdahunyad, não tenho noção de como se pronuncia, mas super valeu a pena termos encontrado esse local. Estava super vazio, sem muitos turistas atrapalhando as fotos e crianças correndo.

budapeste

O Vajdahunyad é um castelo de “mentirinha” localizado no parque Városliget. O castelo fica em uma pequena ilha dentro do parque e foi construído em 1897 para as comemorações dos 1000 anos da Hungria.

A construção incorpora estilos arquitetônicos diversos, em homenagem a edifícios famosos que fizeram parte da história do país, como o castelo de Hunyad, na Transilvânia, hoje território romeno. O nome Vajdahunyad, faz menção ao castelo de Hunyad.

Ali estão reunidos detalhes de mais de 20 edifícios famosos, sendo que o maior destaque é dado à era medieval, considerada a fase mais gloriosa da história da Hungria.

O castelo era para ser temporário, tanto que foi construído em papelão e madeira. Mas fez tanto sucesso que resolveram refazê-lo em pedra. Hoje, abriga o Museu da Agricultura Húngara, o maior museu da especialidade na Europa.

Image18

Image19

Image20

Não entramos nem no museu nem no castelo, não vimos sequer se estava aberto e quanto custava para visitar. Como se tratava de um mochilão, não dava para perder tempo com esse tipo de passeio demorado e sem graça para o nosso gosto.

Queríamos voltar logo para o albergue e nos arrumarmos para o Pub Crawl, haha.

Image21

budapeste

O parque fica ao redor também é muito belo, vale a pena ficar passeando e admirando as coisas simples de se estar em outro país.

Image23

Image24

Image25

É isso, espero que tenham gostado.

Beijos,
assintsuy







10 of 21« First...91011...20...Last »